Politicagem é a bola da vez

Vamos todos fazer politicagem a partir de agora. “Não está satisfeito no trabalho? Quer subir rápido e ganhar aquela promoção? Quer se livrar daquele colega que compete com você? Quer culpar alguém por aquele seu deslize?”. A idéia é tão boa que parece até anúncio de algum produto da empresa fictícia Tabajara, “Seus problemas acabaram! Chegou o Politicalization in Company Tabajara!”. E a politicagem venderia se fosse um produto, viu! Garantiria melhores resultados se ainda fosse usada junto com outro, mas conhecido como Óleo de Peroba. O melhor do Politicalization in Company seria o fato de poder ser usado sem restrições e em qualquer ambiente. Com certeza seria sucesso de vendas, ainda mais se tivesse José Sarney como garoto propaganda. O jeitinho malandro de conseguir resultados através de manipulações de fato ainda não virou um produto consumível, mas chegou perto. Trata-se de uma vertente para o conhecido xadrez, com a diferença de que cada peça representa um ‘elemento’ político. O Rei é o Presidente; a Rainha, a Justiça; os Bispos, os senadores; a Mídia, os cavalos; o Congresso Nacional, as torres; e claro, os Peões os deputados. Adivinha o nome do jogo? Politicagem. Irônico, não? E quem foi que disse que a politicagem não dá dinheiro… Como a própria caixa do jogo indica, tudo acaba em pizza.

Anúncios
  1. Muito bom mesmo!
    Com certeza seria um sucesso de vendas hahaha
    Politicagem é uma M%$*#!

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: